Filmes, Séries, Desenhos

José Mojica Marins, o Zé do Caixão, morre aos 83 anos

Cineasta ficou conhecido como o primeiro diretor de terror do Brasil

O cineasta José Mojica Marins, conhecido como o Zé do Caixão, morreu hoje (19) aos 83 anos de idade, na cidade de São Paulo. A informação, que primeiro circulou nas redes sociais, foi confirmada pela família. A causa da morte foi broncopneumonia.

Mojica ficou conhecido como o pai do horror no Brasil, tendo dedicado sua vida ao gênero por trás das câmeras e também atuando como o Zé do Caixão, icônico personagem que lançou em 1964, com o filme À Meia Noite Levarei a Sua AlmaO personagem é um vilão sem redenção, e sem desculpas ou justificativas para seus atos monstruosos e agressões. Isso faz com que Meia Noite soe como um filme brutal e implacável mesmo nos dias de hoje, o que é reforçado pela técnica suja, imperfeita e traumatizante de Mojica. Um roteiro cheio de diálogos impactantes e ocasionalmente caricatos, com um gostinho de faroeste pelas experiências passadas do diretor, criam algo único, uma experiência verdadeiramente perversa, profana e fantasmagórica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: